Ponte 25 de Abril

Imagem 1 - Ponte 25 de Abril (vista do Cristo Rei)

Imagem 1 – Ponte 25 de Abril (vista do Cristo Rei)

Aquela que hoje é conhecida como ponte 25 de Abril era inicialmente conhecida como Ponte Salazar, apesar de a sua designação oficial ser Ponte sobre o Tejo.

Actualmente é uma ponte rodo-ferroviária, mas nem sempre foi assim.

É o elo de ligação entre Lisboa e Almada, atravessando o estuário do Tejo na sua parte mais estreita (o chamado gargalo do Tejo).

Esta é uma ponte tipo pênsil.

História da Ponte 25 de Abril

1876 a 1974

Em 1876 o Eng.º Miguel Pais sugeriu a construção da Ponte sobre o Tejo numa ligação entre Lisboa e o Montijo. Após isso foram pedidos estudos a vários engenheiros estrangeiros, sendo que cada um tinha opiniões diferentes. Em 1888, o Eng.º Lye, um norte americano, propôs que esta ponte fosse construída entre o Centro de Lisboa (o Chiado) e Almada. Um ano depois, os engenheiros franceses Seyrig e Bartissol propuseram que esta fosse construída entre a zona da Rocha do Conde de Óbidos e Almada. Já em 1890, uma empresa alemã propôs que a ligação se fizesse entre a zona do Beato, em Lisboa e o Montijo, sendo que a opinião pública na época favorecia esta mesma idéia.

No entanto, a decisão do governo português não tomou essa direcção. Em 1913, o governo recebeu uma proposta semelhante à feita pelos franceses em 1889. E foi esta mesma proposta que foi levada ao Parlamento para ser discutida no ano de 1921, mas a decisão da construção foi novamente adiada.

Em 1929, foi feita uma solicitação ao então Ministro das Obras Públicas, Duarte Pacheco, por parte do Eng.º António Belo, para a contrução de uma ligação ferroviária entre a zona do Beato, em Lisboa, e o Montijo. Perante esta situação, Duarte Pacheco decidiu, em 1933, nomear uma Comissão para que analisasse a proposta em causa e, com base nas conclusões desta Comissão, em 1934, ele próprio apresentou ao Parlamento uma proposta para a construção de uma ponte rodo-ferroviária sobre o Tejo.

Imagem 2 - Ponte 25 de Abril

Imagem 2 – Ponte 25 de Abril

No entanto, novamente, o Parlamento não aprovou a proposta pois ficou decidido dar-se primazia à construção da Ponte Marechal Carmona, em Vila Franca de Xira, que viria a ser inaugurado em 1951.

Mas, a questão do trânsito rodoviário e ferroviário entre Lisboa e a margem sul do Tejo continuava por solucionar e por isso, em 1953, o Governo português decidiu criar uma comissão que iria estudar e apresentar soluções para esse problema.

Imagem 3 - Ponte 25 de Abril

Imagem 3 – Ponte 25 de Abril

Assim, em 1958, mais de oitenta anos após a primeira idéia de construção de uma ponte que ligasse Lisboa à margem Sul, os governantes portugueses decidiram oficialmente iniciar a construção da Ponte, sendo que apenas a 5 de novembro de 1962 se iniciaram os trabalhos.

A construção da ponte durou 45 meses, sendo que a cerimónia de inauguração se realizou no dia 6 de Agosto de 1966, em Almada. O seu custo foi de dois milhões e duzentos mil contos.

Apesar de o nome legal da ponte ser Ponte Sobre o Tejo, esta era conhecida por todos como Ponte Salazar, sendo que muitos desconheciam mesmo o seu nome oficial.

Ponte 25 de Abril Desde 1974

Logo após a Revolução que ocorreu em 25 de Abril de 1974, o governo tratou de alterar o nome da ponte, numa tentativa de apagar ao máximo os vestígios do regime fascista que acabara de ser derrotado. Assim, a ponte deixou de ser chamada Ponte Salazar para passar a ser chamada Ponte 25 de Abril.

Imagem 4 - Ponte 25 de Abril

Imagem 4 – Ponte 25 de Abril

Apesar de a ponte ter sido projectada para suportar o trânsito rodo-ferroviário, inicialmente apenas circulava nela o trânsito rodoviário. Foi apenas em 1996 que o Governo português procedeu à remodelação da ponte para corresponder ao efeito para que foi projectada, de modo que a 30 de Julho de 1999 foi inaugurado o tabuleiro inferior da ponte que passaria a receber o trânsito ferroviário.

Com a construção da ponte, a margem Sul do Tejo, nas zonas entre Almada e Setúbal, sofreu um crescimento muito acelerado tornando-se assim numa das zonas turísticas mais apetecíveis de Portugal.

Ponte 25 de Abril vista do Cemitérios dos Prazeres

Ponte 25 de Abril vista do Cemitérios dos Prazeres

Ponte 25 de Abril na Atualidade

À data da sua construção, a Ponte Sobre o Tejo era a 5ª maior ponte do mundo, sendo a maior ponte suspensa existente fora dos Estados Unidos da América. Atualmente, apesar de terem passado uns quarenta anos, ainda é a 20ª maior.

Apesar da construção da Ponte Vasco da Gama que desviou grande parte do trânsito que se fazia pela Ponte 25 de Abril, ainda assim, nos dias de hoje, passam em média por cima da ponte cerca de 150 mil carros por dia.

Imagens da Ponte 25 de Abril

Vídeo da Ponte 25 de Abril

Partilha!Share on Facebook176Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on Tumblr0Pin on Pinterest0Share on LinkedIn0Share on Reddit0Share on VKEmail this to someone

Não Encontrou o Que Estava Procurando? Tente o Google!

Marcados com: , ,
Publicado em Pontes de Portugal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Newsletter
Questionário

Ponte 25 de Abril ou Ponte Salazar?

View Results

Carregando ... Carregando ...
Publicidade
Acerca
Bem-vindo ao HistóriaDePortugal.info, um portal informativo dedicado exclusivamente à História de Portugal.

Temos como objectivo ser o recurso mais completo na Internet sobre a História de Portugal.


Partilhar história
A História de Portugal está pouco divulgada na Internet. Ajude o HistoriaDePortugal.info a expandir através da partilha do seu conhecimento. Contamos com a sua ajuda!

Criar artigo