Cruz da Ordem de Cristo

A Cruz da Ordem de Cristo é a figura simbólica que caracteriza a Ordem dos Cavaleiros de Cristo de Portugal.

Esta instituição honorífica de tipo religioso e militar foi criada por disposição do Rei D. Dinis o dia 14 de março de 1319, sob o primeiro nome de Ordem de Nosso Senhor Jesus Cristo e confirmada em Avignon pela Bula Ad ae exquibus proclamada pelo Papa João XXII.

Herdou as propriedades da antiga Ordem do Templo, também conhecida como a Ordem dos Templários, fundada a partir da Primeira Cruzada em 1096 e que existiu por dois séculos até 1312, momento em que o Papa Clemente V ordenou sua dissolução por acusações de heresia e corrupção.

A Cruz da Ordem de Cristo é a figura simbólica que caracteriza a Ordem dos Cavaleiros de Cristo de Portugal (Autor: Fatima Rodrigues)

A Cruz da Ordem de Cristo é a figura simbólica que caracteriza a Ordem dos Cavaleiros de Cristo de Portugal (Autor: Fatima Rodrigues)

O Rei D. Dinis tentou evitar a transferência dos bens e privilégios em Portugal daquela ordem para a Ordem dos Hospitalários e é por isso que fundou uma nova ordem, que viria a se estabelecer na cidade e Castelo de Tomar.

A Ordem de Cristo substituiu aos Templários, mas conservou os hábitos, as insígnias e os bens da anterior, só com pequenas alterações e adoptando a Regra cisterciense.

Esta Ordem desapareceu juntamente com todas as outras ordens de tipo nobiliárquicas a partir da expedição do Decreto de Extinção das Ordens Religiosas em Portugal datado em 1834, justo no fim da Guerra Civil Portuguesa e com o consequente ingresso do Liberalismo no país.

D. Maria II decidiu no seu mandato convertê-la em Ordem Honorífica e até hoje continua assim, tendo sido objeto de numerosas reformulações como a de ter somente cinco graus: cavaleiro ou dama, oficial, comendador, grande-oficial e grã-Cruz.

É frequentemente concedida em Visitas Parlamentares de Estado, sobretudo aos cônjuges e, ocasionalmente, aos próprios chefes de Estado.

Imagem da Cruz da Ordem de Cristo

A Cruz da Ordem de Cristo é sempre uma cruz latina de esmalte vermelho sobre fundo de cor branca.

As serifas de cada extremidade que forma a cruz tem um ângulo de 45 graus com respeito à base, em cada uma das suas quatro pontas.

O comprimento das hastes não é específico.

A cor característica das vestimentas da Ordem também é o vermelho.

Pronto foi tradicionalmente estendido seu uso para caracterizar a identidade portuguesa, sendo agora um dos mais distinguidos símbolos lusitanos.

Foi usado nas velas das armadas do Descobrimento de expansão portuguesa, nos séculos XV e XVI.

Também é frequente encontrar sua presença nos retratos dos Reis de Portugal que usaram as insígnias dessa Ordem, o que denota o prestigio da corporação e sua influência por vários séculos em Portugal.

Posteriormente, o emprego do emblema foi assimilado por diferentes instituições lusitanas: a Força Aérea Portuguesa, o Movimento Nacional Sindicalista e como bandeira da Região Autónoma de Madeira, dentre outros.

Já no século XIX começou ser utilizada na representação da Ordem Militar de Cristo e na Imperial Ordem de Nosso Senhor Jesus Cristo, subsidiária da Ordem Militar de Cristo no Brasil.

A Atualidade da Figura Simbólica da Cruz da Ordem de Cristo

Hoje, o formato da Cruz da Ordem de Cristo é utilizado em inúmeros símbolos e corporações, tanto privadas quanto públicas, em Portugal e no Brasil.

Com algumas variações de tamanho e fundo ou até inclusa no Brasão, a imagem tem sido usada por alguns municípios brasileiros como Florianópolis, Porto Alegre ou São Paulo.

A Cruz da Ordem de Cristo também tem sido utilizada por agremiações esportivas como as Seleções Portuguesa e Brasileira de Futebol ou o Clube de Regatas Vasco da Gama.

A Santa Sé ao ver perdido o caráter místico da Ordem, recuperou para si a figura a partir da reorganização das suas Ordens no ano de 1905.

Como resultado deste processo de assimilação da Cruz da Ordem de Cristo criou o Grande-Colar da Suprema Ordem de Cristo para galardoar Chefes de Estado católicos destacados.

Não Encontrou o Que Estava Procurando? Tente o Google!

Marcados com: ,
Publicado em Ordens Religiosas
Um comentário sobre “Cruz da Ordem de Cristo
  1. wesley disse:

    Eu tinha uma medalha da Ordem de Cristo.
    Meu pai ganhou da minha vô na Paraíba em 1888.
    Estou a procura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Newsletter
Questionário

Ponte 25 de Abril ou Ponte Salazar?

View Results

Carregando ... Carregando ...
Publicidade
Acerca
Bem-vindo ao HistóriaDePortugal.info, um portal informativo dedicado exclusivamente à História de Portugal.

Temos como objectivo ser o recurso mais completo na Internet sobre a História de Portugal.


Partilhar história
A História de Portugal está pouco divulgada na Internet. Ajude o HistoriaDePortugal.info a expandir através da partilha do seu conhecimento. Contamos com a sua ajuda!

Criar artigo